Expresso das Ilhas

Switch to desktop Register Login

Turistas assaltados na Boa Vista apresentam queixa 24 horas depois

Os oito turistas, seis portugueses e dois holandeses, e um condutor cabo-verdiano, assaltados ontem na ilha da Boa Vista, localidade de Curral Velho, apresentaram, na manhã de hoje, 16 de Junho, uma queixa na Esquadra da Polícia Nacional, avançou Comandante da PN, José Gabriel Duarte. Os depoimentos dos turistas foram ouvidos pela PN, praticamente 24 horas depois do assalto.

 

“Até agora não tínhamos registo de nenhuma queixa, mas os turistas estão a apresentar a queixa neste momento”, avança José Gabriel Duarte.

O caso ocorreu ontem, quinta-feira, por volta do meio-dia. “Havia dois turistas holandeses que estavam hospedados no Hotel Tuaregue e estavam a caminhar ao longo da praia quando foram surpreendidos por quatro indivíduos armados”, conta o comandante da PN local, sublinhando que os assaltantes estavam encapuzados e armados com arma de fogo de fabrico artesanal, boka-bedju e catanas.

Segundo informações da polícia, os meliantes “aprisionaram os dois turistas holandeses e tomaram os seus pertences.” Devido à aproximação de uma viatura pick-up, com seis turistas a bordo em excursão, “aproveitaram e soltaram os dois turistas holandeses para pedirem socorro ao mesmo tempo que imobilizaram o veículo e assaltaram os turistas que estavam na viatura”, diz José Gabriel Duarte.

Para facilitar a fuga, apoderaram-se, segundo o comandante, da viatura e tomaram todos os pertences dos seus ocupantes. “Vieram cá para Ribeira de Rabil, onde abandonaram a viatura”, revela.

Até ao momento os assaltantes encontram-se a monte. Entretanto, o comandante da PN da Boa Vista assegurou que estão em vias de os capturar. “Estamos a trabalhar para isso”, garante o comandante da PN.

Apesar de um do holandeses apresentar marcas de agressão, “os turistas estão calmos”, de acordo com a PN. Dos turistas, os larápios terão surripiado telemóveis, anéis e dinheiro.

 

sexta, 16 junho 2017 11:39

2 Comentários

  • Mario 17-06-2017 Reportar

    Isso ta a acontecer e vai continuar porque a policia nao faz nada aqui em boa vista unico trabalho que eles fazem ebeber quebrar carros dapolicia

  • Emanuel 16-06-2017 Reportar

    Este é daqueles tristes acontecimentos que infelizmente tem tendência a aumentar e se não forem tomadas medidas preventivas e punitivas sérias estamos tramados. O TURISMO, grande aposta de Cabo Verde, orgulho de todos os caboverdeamos e principal fonte de receitas do pais está condenado. Todos os turistas querem e pretendem férias e destinos seguros, agora pergunto, porquê isentá-los do pagamento dos vistos e não canalizar essas verbas para o reforço da segurança dos mesmos? Como é que pretendemos aumentar o número de turistas em Cabo Verde se descuramos a segurança? Que péssima publicidade! Hoje concerteza, vai ser notícia em todos os telejornais europeus!

Deixe um comentário

Os campos com (*) são obrigatórios.

Expresso das Ilhas

Top Desktop version