Expresso das Ilhas

Switch to desktop Register Login

Jorge Carlos Fonseca distinguido com Honoris Causa pela Universidade de Lisboa

Jorge Carlos Fonseca Jorge Carlos Fonseca

O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, vai ser distinguido, a 23 de Novembro, com o grau académico honoris causa, atribuído pela Universidade de Lisboa, anunciou o chefe de Estado.

 

A distinção acontece no âmbito de uma visita de estado que efectua a Portugal, de 22 a 28 deste mês.

A informação foi avançada pelo chefe de Estado, ontem, na Cidade da Praia, momentos antes de presidir à abertura da conferência sobre a “Revolução Russa, 100 anos depois: sonhos, utopias, que legado? Qual a influência nos movimentos de libertação e no pensamento político dos líderes africanos?”, promovida pela Presidência da República no âmbito dos 100 anos da Revolução Russa.

“Para mim é um grande privilégio ser agraciado com a honoris causa pela Universidade de Lisboa”, afirma.

Com o seu homólogo português, Jorge Carlos Fonseca pretende analisar e abordar questões relacionadas com a circulação de pessoas entre Cabo Verde e Portugal, bem como a permanência dos cabo-verdianos no território luso.

“Para além de questões externas, vamos passar em revista também assuntos da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa, circulação no espaço do espaço da CPLP, da União Europeia e tudo que tem a ver com o lado humano entre os dois países estará sobre a mesa”, realça.

Acompanhado por Marcelo Rebelo de Sousa, Jorge Carlos Fonseca vai estar em Cova da Moura e em Outurela (Oeiras) para participar nas festividades de Nha Santa Catarina, a 25 de Novembro.

 

 

quinta, 09 novembro 2017 09:04

1 comentário

  • Leão Vulcão 09-11-2017 Reportar

    Os nossos sinceros parabéns ao Presidente da República, Dr. Jorge Carlos de Almeida Fonseca, por um título que nos honra a todos como cabo-verdianos!
    Ao distinguir o Dr. Jorge Carlos de Almeida Fonseca, a Universidade de Lisboa assinalou o talento de um notável presidente da República Cabo Verde, mas fez muito mais: consagrou o seu contributo para a democracia em Cabo Verde e África, e em especial a CPLP, e exprimiu de forma inequívoca o seu desejo em ver reforçada a colaboração académica com as universidades de Cabo Verde. Valeu! Mais uma medalha no Museu da Democracia!

Deixe um comentário

Os campos com (*) são obrigatórios.

Expresso das Ilhas

Top Desktop version