Expresso das Ilhas

Switch to desktop Register Login

Ulisses Correia e Silva garante que não há risco de derrapagem nas contas do Estado

O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, refutou esta manhã, no Mindelo, as acusações do PAICV e garantiu que não há risco de derrapagem nas contas do Estado.

 

O chefe do Governo reagiu assim ao comunicado emitido esta terça-feira pelo PAICV que afirmou que as contas do Governo apresentam risco de derrapagem e colocam em causa a sustentabilidade macroeconómica do país.

“Aquilo que a líder da oposição disse está completamente ao desencontro daquilo que são os dados reais. O Banco de Cabo Verde, há pouco tempo, no seu relatório, estimou que vai haver, para 2016, a confirmação da redução do défice orçamental, vai fixar-se em cerca de 3,3 partindo de 3,6 porcento”, disse.

 

 

Ulisses Correia e Silva lembrou que o seu Governo só teve o orçamento em Agosto de 2016, recordando as opções orçamentais tomadas antes disso, ainda pelo Governo do PAICV.

O primeiro-ministro negou também as acusações da oposição de que o executivo governamental esteja a concorrer com o sector privado através do endividamento interno.

“Não é verdade. Se hoje se fizer um inquérito junto as empresas verificamos que há um sinal de maior confiança”, reiterou.

Ulisses Correia e Silva falava à imprensa, em São Vicente, no final da visita à empresa A Poutada, no âmbito da primeira semana do sector privado.

 

 

quarta, 19 abril 2017 15:42

Deixe um comentário

Os campos com (*) são obrigatórios.

Expresso das Ilhas

Top Desktop version