Expresso das Ilhas

Switch to desktop Register Login

FCF mantém decisão de repetir meia-final

O presidente da Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF), Vitor Osório confirmou, ao Expresso das Ilhas, a decisão de repetir toda a meia-final do campeonato nacional de futebol entre Ultramarina e Mindelense. 

Vitor Osório anunciou ao Expresso das Ilhas que é vontade da FCF repetir as duas mãos das meias finais do campeonato nacional de futebol que opuseram Ultramarina e Mindelense e negou que que o resultado da segunda mão realizada no Estádio Adérito Sena tenha sido homologada tacitamente como alegou o presidente do clube de São Nicolau.

Depois de comunicada esta decisão aos clubes envolvidos na luta pelo campeonato nacional, os clubes expuseram, à direcção da FCF, as suas posições.

“O Sporting disse na reunião que está à espera do outro finalista para realizar a final e que quanto mais depressa se apurar o outro finalista melhor porque estão há muito tempo à espera e com prejuízos desportivos e financeiros grandes. A Ultramarina disse que estava disponível para jogar o jogo da primeira mão como já tinham anunciado e que relativamente ao jogo da segunda mão, em São Vicente, se posicionariam depois. O Mindelense disse que não estão disponíveis para jogar para além da época prorrogada2, recordou o presidente da FCF.

O campeonato nacional de futebol está parado desde a segunda mão das meias-finais que opôs Mindelense e Ultramarina e que a equipa de São Nicolau venceu por 2-0.

O encontro da primeira mão foi o que fez estalar a polémica na edição deste ano do campeonato nacional de futebol quando o responsável pelo Estádio Orlando Rodrigues, em São Nicolau, não compareceu no estádio deixando equipas de futebol e de arbitragem à porta do estádio.

Esta é uma matéria que poderá ler na edição nº819 do Expresso das Ilhas

terça, 08 agosto 2017 09:09

Deixe um comentário

Os campos com (*) são obrigatórios.

Expresso das Ilhas

Top Desktop version